domingo, 29 de agosto de 2021

Homenagem a Temple Grandin

    Temple Grandin é reconhecida como uma das principais representantes da comunidade autista no mundo. Através de suas palestras, a zootecnista, psicóloga e professora da Universidade Estadual do Colorado rompe estereótipos por meio da divulgação científica, ocupando seu lugar de fala como autista e como pesquisadora do assunto. 

sexta-feira, 18 de junho de 2021

Orgulho Autista: Pluralidade e consciência coletiva

    Entre as várias definições de "orgulho", hoje a mais apropriada é o sentimento de respeito que alguém possui por si mesmo, inseparável da consciência coletiva que leva a ações em defesa de direitos e em repúdio ao capacitismo de uma sociedade que se apressa em formar opiniões limitadas (e limitantes) sem embasamento. 

sábado, 22 de maio de 2021

Uma pessoa com Dupla Excepcionalidade


    Conforme prometi, elaborei esta postagem contando alguns detalhes sobre minha Dupla Excepcionalidade, visando ao esclarecimento de alguns pontos sobre o tema e, mais especificamente, sobre características que estão presentes nas condições que envolvem Altas Habilidades/Superdotação e Autismo (Nível I*), como é meu caso. 

domingo, 4 de abril de 2021

A notícia da Dupla Excepcionalidade


    Tenho uma novidade para contar a todos que acompanham a Voz Neurodiversa e meus outros projetos:
Recentemente, fui identificada com Transtorno do Espectro Autista Nível I (antiga Síndrome de Asperger) e Altas Habilidades/Superdotação.

terça-feira, 19 de junho de 2018

Neurodiversidade: Identidade e respeito


Ontem foi o Dia do Orgulho Autista e, pensando na questão identitária que sustenta a palavra "orgulho", convido-os a uma reflexão sobre o tema "neurodiversidade", a partir de algumas leituras.

Autoria

"Voz Neurodiversa" (vozneurodiversa.blogspot.com) é de autoria de Carmem Toledo. Está proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo aqui publicado, inclusive dos disponibilizados através de links aqui presentes. A mesma observação se estende a todos os blogs e páginas da autora ("Culturofagia", "O Caminhante Solitário", "Sophia... Ieri, Oggi, Domani") e toda e qualquer criação, seja em forma de texto ou ilustração, por ela assinada.